Fetiches: Chuva Dourada, Chuva Marrom e Chuva de Prata

0
6071

É pouco provável que você ainda não saiba, mas em todo caso, aí vai uma breve explicação: o termo “fetiches” se refere ao desvio do interesse sexual de um indivíduo por algo específico (e na grande maioria das vezes, inusitado). Pode ser uma parte individual do corpo, peças de roupa, determinado tipo de comportamento ou até, como será abordado nesse texto, alguma função fisiológica do organismo humano. Fácil de entender, certo?

Agora aqui vai uma outra palavra, dessa vez um pouco mais difícil: parafilia. Se o termo é estranho pra você, saiba que ela também determina uma série de ações vistas como esquisitas e pouco aceitas socialmente. Os desejos sexuais não convencionais são um imenso tabu.

A falta de diálogo sobre o tema gera diversas buscas no Google, vindas da curiosidade natural sobre algo que, teoricamente, é “impuro”. E, considerando que o objetivo principal aqui no blog SPLOVE é te fazer entender melhor determinados assuntos, esse post não poderia ter outra finalidade. O tema de hoje? A chuva e todas as suas cores!

Chuva Dourada:

Em primeiro lugar vamos falar do “golden shower”. Embora ainda uma grande polêmica, essa prática vem se tornando melhor conhecida com o passar dos anos. Atualmente existem até mesmo acessórios para auxiliar as mulheres na hora de “acertar a mira”. O prazer nesse caso pode vir do gesto de urinar no parceiro, sentir sua urina no corpo ou rosto, ou até mesmo urinar durante o sexo anal e penetração vaginal.

A atriz pornô e camgirl Emme White, afirmou que chuva dourada é o segundo fetiche mais solicitado pelos seus fãs, perdendo apenas para a podolatria. Uma curiosidade quanto ao fetiche é que a cor da urina também pode influenciar no prazer.

Chuva marrom:

Também conhecido por muitos como “banho marrom”, “chuva negra” ou “scat”, esse fetiche pode se resumir no ato de envolver fezes durante a relação sexual. Mas não é somente isso!

A prática abriga uma série de modalidades que variam de intensidade e o prazer pode ser obtido com o simples ato de observar o parceiro defecando ou ter o pênis sujo durante um anal (coprofilia), indo até mesmo a ingestão das fazes em si (coprofagia).

O fetiche é comum entre os praticantes de BDSM (conjunto de práticas sexuais consensuais que envolve, dominação e submissão e sadomasoquismo) e pode acontecer durante o método do “banheiro humano”. O nome fala por si só, certo?

Chuva de prata:

O “banho prateado” é um dos fetiches que mais tem adeptos, mas poucos sabem. Um exemplo da prática? Gozar no rosto ou no corpo da parceira durante o sexo. Ato bastante comum entre muitos casais. Mas essa modalidade não envolve só o esperma ou gozo feminino. Fluidos como suor e saliva também fazem parte do desejo sexual dos adeptos, que podem lambuzar seus parceiros com as substâncias naturais do corpo humano.

Aposto que você não imaginava que um fetiche pudesse ter tantos segmentos. Os próximos posts buscarão esclarecer mais dúvidas e desmistificar várias temáticas “censuradas”, então nós nos vemos por aqui em breve, fechado? Ah, e não deixe de ler as demais publicações.

Saiba mais sobre Sadismo e Masoquismo!

Você também pode escolher uma especialista em fetiches no SPLOVE! Entre no site e encontre a acompanhante perfeita.

Postado por: Lorena